quarta-feira, 8 de agosto de 2007

Escrevendo...

O tempo que dedico à leitura é bem maior do que o costumeiramente aplicado nos meus escritos. Mas as duas atividades são igualmente importantes na minha vida e só por algum motivo muito forte deixo qualquer delas de lado por um ou mais dias.

A leitura é, para mim, um grande prazer, uma necessidade, um vício. É um alimento que não pode faltar para a satisfação da minha alma. A escrita é, de modo geral, um simples hábito, ou uma mania, que me permite registrar impressões sobre tudo que vivo, pensamentos, sentimentos, etc. O impulso de escrever dando um sentido literário a idéias que brotam em momentos de inspiração começou tardiamente em minha vida. De tudo que produzi, nesse sentido, publiquei apenas dois livros que, inicialmente, pensava em guardar só para mim, pois não os imaginava sendo lidos por outras pessoas. Até hoje me causa estranheza a idéia de que alguém possa estar lendo os meus livros, embora já tenha tido experiências lindas com os pareceres amigos e carinhosos que alguns leitores me ofereceram.

Tenho algum material escrito, que não sei se chegarei a transformar em livros. Mas estou certa de que continuarei a atender ao impulso que me faz colocar no papel os pensamentos que vão surgindo, diante do simples ato de viver. Por isso, espero que esses sofridos olhos resistam por mais algum tempo, para que eu possa prosseguir escrevendo, escrevendo, escrevendo...

2 comentários:

Danilo Cruz disse...

E enquanto isso, a gente continua lendo, lendo, lendo... o que você escreve. :)

rosemaryqsilva@gmail.com disse...

Gracinda,eu estou sentindo uma louca vontade de ler tudo e escrever e/ou comentar sobre quase tudo.Rsrs
Abraço.
Rosemary